Instrumentos Virtuais e Loops

Instrumentos Virtuais

 

Bateria

 

Uso há bastante tempo o BFD. Contudo, o que eu gosto mais nele é a quantidade de microfones dando diversas possibilidades de timbre e opções na hora de mixar.

Há dois artigos aqui na Universidade onde eu falo sobre bateria virtual.

https://michaelmachado.com.br/sequenciando-uma-bateria-midi/

https://michaelmachado.com.br/velocity/

 

Piano e Piano Elétrico

 

Há inúmeros pianos virtuais no mercado, chega a ser difícil de escolher um. Porém, uso o meu velho piano da SampleTekk que é um Yahama C7.

 

Para piano elétrico eu uso o MK1 da Premier Sound Factory.

 

Sintetizadores e Orgão

 

Acho que existe mais sintetizadores virtuais que qualquer outro instrumento, são diversos tipos e fabricantes. Contudo, uso os nativos do Cubase e o Omnisphere.

 

Para o orgão eu uso o Vintage Organs da Native Instruments.

Loop

 

Eu resolvi chamar de loop pelo simples fato de pegar uma amostra (sample) de uma levada de qualquer instrumento, porém loop é um processo de repetição de alguma coisa. Se você pretende trabalhar com trilha sonora você deve ter inúmeros samples, pois a utilização desse recurso salva vidas. Você pode criar, comprar ou baixar gratuitamente na internet, you tube tem um monte.

Uso dois samples de levadas de música brasileira que são uma mão na roda, além de ter uma qualidade impecável. Estou falando do Rio Grooves da Cinesamples e os dois volumes do Celso Alberti da Loop Loft.

Guitarra, Violão e Baixo

 

Você deve estar se perguntando por que não falei de violão, baixo e guitarra, certo? Apesar de gravar esses instrumentos hoje em dia, no início eu usava instrumentos virtuais de baixo (uso até hoje), guitarra e violão pelo simples fato de não possuir esses instrumentos e não ter equipamento bom o suficiente para gravar com qualidade.

A partir do momento que os trabalhos ficavam mais rigorosos eu comecei a investir em um baixo e violão (nylon e aço). Eu perdia muito tempo programando e o resultado não era satisfatório quando tinha que programar um baixo fazendo uma levada de bossa nova, ficava horrível. Porém, quando quero usar um baixo acústico eu uso o Trilian da Spectrasonics.

Guitarra e violão são mais complicados pelo simples fato de não achar um instrumento que irá servir para todos os estilos e o mesmo serve para o baixo. Devemos pensar também se não é mais válido pagar um músico que investir em um instrumento virtual, afinal de contas estamos falando de um produto que será cobrado em dólar.

Outro problema de alguns fabricantes é que não disponibilizam uma versão demo ou trial, são poucos que dão essa opção. Entretanto, vou deixar aqui uma opção de baixo, guitarra e violão que é a Prominy e eles disponibilizam a versão demo, olha que maravilha!

 
© Universidade Michael Machado, todos os direitos reservados.